segunda-feira, 2 de outubro de 2017

PREVISÃO E ACONSELHAMENTO PARA O MÊS DE OUTUBRO

Neste mês de Outubro estarei dando as previsões e aconselhamento através das cartas de Petit Lenormand (Baralho Cigano) de uma maneira diferente, ou seja, com quatro montinhos de cartas numerados para que você possa escolher dentre um deles antes de ver os resultados que já se encontram abaixo.

Importante você saber:
As previsões por serem coletivas, estão sujeitas à falhas, quando não tiverem no máximo 80% de acerto, visto que quem deseja realmente uma previsão assertiva na margem de 99.9% obviamente terão a opção de fazerem uma consulta particular.

Abaixo vocês terão quatro montinhos com nove cartas cada, totalizando as 36 cartas do Baralho. Cada um escolherá um dos  montinhos sem ver os resultados antes, pois terá que ser uma escolha baseada na intuição de cada um para assim ter resultados não premeditados e portanto, inválidos.

Atenção: Não poderá escolher mais de uma opção e não deverá ser para outra pessoa, somente para si
Aqui não se trata de fazer nenhuma pergunta em particular, mas de previsão e aconselhamento de como passará o mês atual (Outubro). De nove cartas que cada montinho tem, as três primeiras cartas poderão  revelar com até 80% de assertividade como será este mês para a pessoa que escolher determinado número.
Escolha um dos montinhos numerados abaixo:

Agora que você escolheu com calma um dos montinhos e somente para si, você já poderá ver os resultados abaixo, de como será seu mês de Outubro, ok?
Boa sorte!!

Medite antes de ver os resultados, com a imagem abaixo:

 RESULTADOS:

Quem escolheu o montinho número 1

O que será mais importante para você neste mês, que escolheu o montinho número 1, saiu A Casa (Rei de Copas): Uma carta bastante benéfica que diz respeito as suas emoções ligadas a sua casa, a sua família em geral, ou seja, seu lado emocional visto pelo lado não material e material ao mesmo tempo, vindo em seguida A Carta (Sete de Espadas) que diz que você precisa tomar alguns cuidados com alguma notícia ou surpresa que tanto pode ser boa e não saber aproveitá-la, quanto de alguma surpresa ou notícia um tanto desagradável vindo de pessoas que você ama ou mesmo em relação a sua casa, o seu lar, levando-o a querer fugir do que precisa ser enfrentado. Mas não se preocupe, pois a carta O Sol (Ás de Ouros) fará com que se esclareçam melhor as situações e com isso a alegria volte a reinar no seu âmbito familiar. Seja otimista, enfrentando assim o que tiver que enfrentar ou sabendo aproveitar o que tiver que vir de bom aí.

Quem escolheu o montinho número 2


O que será mais importante para você neste mês, que escolheu o montinho número 2, saiu O Homem/ O Cigano (Ás de Copas) que pode ser uma pessoa do sexo masculino que você esteja de alguma forma envolvida emocionalmente (seu pai, seu irmão, seu companheiro, etc, ou mesmo você se for do sexo masculino) trazendo alguns obstáculos ou alguma situação um tanto embaraçosa para sua vida a ponto de deixá-lo desconfiado e com receio de se expor, com a carta A Raposa ( Nove de Paus). Atente para ver se se trata realmente de uma cilada, mesmo não intencionada por parte dessa pessoa, ou se o problema se encontra em você mesmo(a). De qualquer forma, estude bem a situação e não se exponha antes de ter certeza do que se trata. Com a carta A Torre (Seis de Espadas), terá oportunidade de recorrer  à espiritualidade e confiar mais em sua intuição, podendo se afastar temporariamente da questão. Tudo correrá bem, não se preocupe.

Quem escolheu o montinho número 3


O que será mais importante para você neste mês, que escolheu o montinho número 3, saiu Os Pássaros (Sete de Ouros) que traz alegrias ainda que passageiras, uma certa liberdade, mas também alguma frustração, embora nada relevante, devido a algumas expectativas e de certa forma, impaciência, o que traz a carta A Cegonha (Rainha de Copas), desafiando-o a mudar suas emoções e também seu modo de encarar as situações, pois mudanças boas estarão a caminho, principalmente por fazer seu coração (suas emoções) voltar a sentir, o que fazia muito tempo, não sentia, como mostra a carta O Coração (Pajem de Copas). Prepare-se  para muitas surpresas no campo afetivo e/ou emocional. Só procure ter um pouco de paciência e não esperar demais, que o resto virá.

Quem escolheu o montinho número 4


O que será mais importante para você neste mês, que escolheu o montinho número 4, saiu O Mensageiro (Nove de Copas), trazendo aí alguma novidade ou notícia muito boa por sinal, mas com a carta seguinte O Chicote (Pajem de Paus) terá que ter um cuidado redobrado com o seu próprio poder, para não se exceder e assim provocar inveja em quem esteja propenso a isso. Por outro lado muito cuidado com sua ingenuidade ou mesmo sua grande curiosidade com a carta A Criança (Pajem de Espadas) a fim de não entrar em conversas que podem partir para fofocas ou pequenas intrigas. A carta A Criança também pode indicar início de um curso, um aprendizado, um novo plano, que você precisa tomar cuidado para não contar para pessoas que mal conhece ou mesmo as que você não tenha tanta ou nenhuma confiança. Tudo correrá bem se seguir tais conselhos, pois o poder está na verdade, em suas mãos.

Espero que tenham gostado das previsões e aconselhamentos e desejo a todos um ótimo mês de Outubro!!


terça-feira, 26 de setembro de 2017

POR QUE ÀS VEZES AS COISAS NÃO DÃO CERTO ?

Há situações em que a vida nos dá lições que precisamos ficar bastante atentos. Há situações que só demandam tempo, mas outras, a vida está dando sinais para que você verifique onde está se desequilibrando; afinal a vida é feita sobretudo disso:  De equilíbrio!
Veja se você não está cometendo alguns excessos ou mesmo falta em alguma área da sua vida e procure corrigir, se quiser tranquilidade ou mesmo poder realizar os seus intentos (no momento certo), desde que eles sejam bons, tanto para si quanto para com os outros, ok?


Ainda que você pratique sua espiritualidade num templo ou num grupo ou mesmo pratique algum ritual como mantras, uso de mandalas, mudras, sistema Grabovoi, etc... e uma infinidade de práticas esotéricas e terapias alternativas que existem por aí, incluindo equilíbrio dos chacras, as coisas podem não estar dando certo para você  quando:

* Você cria expectativas demais (tanto das situações quanto das pessoas).

* Você hipervaloriza o que  deseja (quer demais) e tem muito medo de não conseguir esquecendo que o Universo tem muito mais do que se imagina!

* Você não acredita no percurso da vida.

* Você vive reclamando de tudo...

* Você ignora você mesmo e com isso a sua própria espiritualidade.
 
* Você está sempre criticando as pessoas e as situações.

* Você acredita que o dinheiro é algo sujo ou pecaminoso.

* Você tem vergonha do que você é, do que você tem, do que você faz ou do que você não conseguiu.

* Você se menospreza constantemente...

* Você passa por cima dos outros ou tenta enganá-los para conseguir algo. Não pratica a justiça.

* Você não age honestamente e exige honestidade dos outros. O mesmo se dá com a lealdade.

* Você depende exclusivamente de elogios.

* Você quer ser mais que os outros.

* Você se faz de vítima para receber ajuda ou caridade das pessoas.

* Você acha que todo mundo tem obrigação de ajudar. Afinal você as ajuda mesmo sem vontade!

* Você tem dinheiro mas tem dó de gastar no que você quer e/ou precisa, por medo de ficar sem. Ou ao contrário, você gasta tudo por impulso, contraindo inclusive dívidas que sabe que não vai poder pagar depois...

* Você empresta seu dinheiro ou seu nome para alguém achando que está ajudando...

* Você toma as responsabilidades dos outros para si.
 
* Você acha que guardar uma certa quantia todo mês é perda de tempo.

* Você comenta seus planos ou mesmo sua vida privada para  pessoas que mal conhecem ou que não não são confiáveis.

* Você fala dos seus problemas para pessoas que não vão poder te ajudar ou te apoiar.

* Você fala o que lhe vem à cabeça sem se preocupar se vai  ofender ou não. Você esquece de usar a educação, o respeito, o tato e a sensibilidade.

* Você julga duramente as pessoas sem ter provas, só pela sua "intuição", que na verdade são suas emoções.

* Você mente para se dar bem na vida em detrimento de si mesmo e dos outros.

* Você nunca pede desculpa, mesmo sabendo que errou, para quem quer que seja. Você deixa seu orgulho  falar mais alto.

* Você valoriza as pessoas pelo que elas possuem ou aparentam.

* Você quer ser o que não é.

* Você não gosta de algo, mas insiste em falar a respeito, contemplar ou ouvir. Ou seja, você não ignora ou não se afasta do que te faz mal.

* Você tem tanta inveja das pessoas (porque se julga sem valor ou  incompetente) a ponto de desejar ou planejar algo ruim para elas.

* Você se expõe demais e sem necessidade só para tentar conseguir aprovação dos outros a qualquer custo.

* Você idealiza demais, não querendo enxergar a realidade.

* Você acredita que quem trabalha com a espiritualidade não deve cobrar pelos serviços que faz, pois dinheiro é vaidade e não faz parte da espiritualidade; dai você não sabe porque o dinheiro some da sua vida ou mesmo porque você não consegue aproveitá-lo da melhor forma possível...

* Você faz questão de ver, falar e/ou ouvir sobre desgraças, violência ou catástrofes e vive falando que o mundo ou o país está cada vez pior.

* Você participa de magias ou rituais em grupo sem ter conhecimento.

* Você vive falando de doenças.

* Você não cuida de suas plantas e/ou animais. Estes últimos até os abandona ou os maltrata. Esquece que eles também são seres vivos.. 

* Você só enxerga mais o lado ruim das pessoas e situações.

* Você não agradece as pessoas nem o que você possui, assim desvalorizando a si mesmo e o que conseguiu. Aqui a gratidão não está só nas palavras (e muito menos da boca pra fora), mas também nas atitudes.

* Você já quer desistir nas primeiras dificuldades...

* Você dá muito crédito para conspiração ou magia negra, inveja ou algo sobrenatural contra você que esteja supostamente impedindo-o de progredir.

* Você quer pular etapas para poder avançar mais rápido (por exemplo, num curso, num tratamento médico ou terapêutico, etc.)

* Você briga, luta e se desgasta até as últimas consequências só para ter seus "direitos" em detrimento da sua saúde.

* Você se intromete na vida alheia e dá sua opinião sem te pedirem.

* Você sempre quer mostrar para os outros do que é capaz.

* Você perde oportunidade devido os seus preconceitos.

* Você vive se culpando em vez de tentar corrigir o que fez ou esquecer o ocorrido, servindo de experiência.

* Você não se esforça para se acalmar e acaba se estressando à toa.

* Você nunca está satisfeito com suas conquistas, sempre querendo mais e mais. Suas ambições não têm limites e acabam prejudicando as pessoas.


* Você sempre quer ter razão e sempre ganhar.

* Você se ilude com promessas de milagres ou algo "infalível" .

* Você vive prometendo algo que sabe que não vai poder cumprir.

* Você acha que só com fé pode conseguir tudo na vida (aqui incluindo rituais e magias "poderosas")

* Você valoriza muito a quantidade desprezando a qualidade.

* Você insiste em algo que sabe que não tem futuro e se recusa a mudar por teimosia, comodismo ou por orgulho.

* Você só foca numa coisa só, ignorando outras oportunidades. Ou ao contrário, não sabe o que quer...

* Você valoriza demais o passado, especialmente o que foi muito desagradável.

* Você põe sempre alguém em primeiro lugar ou nas alturas, enquanto você mesmo ou outras pessoas lá para baixo.

* Você depende muito de amigos e/ou de  relacionamento..

* Você ajuda porque "tem que ajudar" ou a quem não merece ou não precisa.

* Você trabalha somente pelo dinheiro e não porque gosta e para ajudar as pessoas.

* Você busca perfeição de si mesmo e/ou dos outros.

* Você não considera as pessoas que merecem consideração ou não respeita ninguém.

* Você trai a confiança das pessoas.

* Você não aceita ajuda de ninguém quando te oferecem de bom coração, por puro orgulho.

* Você zomba dos outros e/ou faz tudo aquilo que não gostaria que fizessem com você mesmo.

* Você fala muito palavrão e/ou palavras maldizentes.

* Você fica demasiadamente ansioso e preocupado com o futuro esquecendo do agora.

* Você é extremamente desorganizado com sua casa e com seus pertences. Daí não sabe porque as coisas somem.

* Você não limpa nem ilumina sua casa, bloqueando assim as boas energias. 

* Você não atualiza nada e deixa as coisas paradas (relógio, algo para costurar, pendências, etc) ou quebradas por tempo indeterminado na sua casa ou no ambiente de trabalho, por exemplo.

* Você não assume erros, preferindo colocar a culpa nos outros ou em espíritos.

* Você quer (re)conquistar alguém ou algo a qualquer custo que não te pertence ou que não precisa mais.

* Você permite que pessoas se intrometam na sua vida pessoal.

* Você não admite que muitas vezes todo mundo é vulnerável, inclusive você.

* Você apoia erros absurdos de alguém, só porque é seu filho, sua filha, marido, namorada, pai, mãe, etc

* Você continua num caminho ou num ambiente que não é o seu, só para ter a aprovação de quem está nele.

* Você faz aquilo que detesta ou não quer, atendendo aos caprichos das pessoas só para não perdê-las.

* Você chantageia as pessoas para conseguir o que quer. Ou ao contrário, cede às chantagens alheias sabendo que é algo absurdo.

* Você tem tanto medo de errar que não tenta ou acaba errando por  insegurança.

* Você faz de alguém a sua garantia de segurança para o futuro.


* Você foge de si mesmo preferindo a máxima invertida: "melhor mal acompanhado que só".

* Você não presta atenção nos sinais que a vida te dá, nem mesmo no que as pessoas dizem, no que fazem e vai seguindo assim ou  tomando atitudes impensadas.

* Você retém muitas coisas de que você sabe que não vai mais usá-las assim se apegando demais a elas.

* Você vive esperando recompensas das pessoas pelo que faz a elas.

* Você guarda raiva e mágoa das pessoas e nega isso, perdoando-as da boca para fora.

* Você esconde suas emoções por orgulho ou as expõe para pessoas erradas.

* Você absorve para si as doenças e sofrimentos alheios.

* Você fica preso à crenças limitantes.

* Você não busca soluções nem tenta, só lamenta.

* Você necessita demais do apoio dos outros principalmente dos mais próximos, para poder realizar algo.

* Você não impõe respeito às pessoas achando que elas irão respeitá-lo só pela sua condição. Saiba que nem todo mundo tem o  respeito ao próximo e cabe a você impor isso a elas quando for o caso.

* Você exagera em tudo. Não consegue enxergar o equilíbrio.

* Você não sabe esperar o tempo certo.


Enfim, a lista é grande e pode ter muito mais que isso, mas estas considero as bases para que as coisas possam finalmente dar mais certo para você se você prestar atenção nelas e tentar corrigí-las. Todo mundo pode mudar quando se quer ou quando precisa. Faça o teste e boa sorte!








 


quarta-feira, 6 de setembro de 2017

SUBMISSÃO DE TARÓLOGOS A CRITÉRIOS DESPROPORCIONAIS DE CLIENTES

Todo mundo tem que ter critérios quando se trata de escolher um profissional esotérico. Mas há clientes que passam a exagerar nas escolhas a ponto de perder muitas oportunidades de encontrar bons profissionais. Veja se você como cliente ou futuro cliente, não está excedendo nessa parte, mesmo inconscientemente.

Por outro lado, tarólogos que se submetem a tantas exigências, tendem a correr o risco de anular-se e com isso seu trabalho tornar-se superficial, medíocre (sem característica propria) e com sobrecargas inúteis. 
Veja abaixo as características principais de clientes que exageram nos seus critérios para escolha de profissionais esotéricos: 




Cliente que escolhe ou deixa de escolher um profissional esotérico pelas roupas que ele usa: 

Há pessoas que quando veem que o tarólogo/cartomante se veste com roupas ciganas, ornamentos específicos e maquiagem forte, já imaginam que sejam mais qualificados que outros que não usam, ou ao contrário, que julgam ser todos charlatães; e há clientes que quando veem um tarólogo que usa roupas comuns, já imaginam que não é eficiente ou vice-versa.  Vestir ou não com roupas específicas não vai fazer nenhuma diferença quanto à eficiência, apenas um gosto por parte do profissional desde que ele também tenha condições (no caso de roupas específicas). Escolher um profissional esotérico com base nas roupas que ele usa, demonstra total falta de conhecimento. Tarólogos/cartomantes porém que se sujeitam a usar roupas específicas, mesmo não gostando ou deixando de usar as que gosta só para agradar  clientes e sem condições, no mínimo estão se desrespeitando.

Cliente que escolhe um tarólogo/cartomante pelo que ele só prediz algo de bom ou diz exatamente aquilo que ele quer ouvir:


Muitos cartomantes/tarólogos costumam dar uma "dourada na pílula" apenas para poder impressionar o consulente, e claro que a  maioria consegue, visto que as pessoas só querem ouvir o lado bom das questões ou o que elas querem ouvir. Às vezes calha de sair o que o cliente quer escutar, mas acontece com muito mais frequência o que elas não querem nem ao menos prestar atenção, quanto menos ouvir o que as cartas estão dizendo. Quem costuma escolher um tarólogo só pelo que ele diz e hipervaloriza-o fazendo dele seu único consultor e assim fidelizando-o deve tomar o máximo de cuidado, porque mesmo que o tarólogo seja realmente honesto e diga o que o cliente quer ouvir, a fidelidade absoluta e a hipervalorização de qualquer profissional além de não dar a chance de conhecer outros, uma hora tende a mudar, pois ninguém é melhor que ninguém. Todo mundo tem erros e acertos e se você adorou seu profissional hoje, amanhã poderá ser diferente devido à grande expectativa. O maior desafio da fidelidade exagerada é ter de enfrentar a dura realidade de que nada permanece; assim sendo, se o profissional vier a falecer ou abandonar a atividade, ou até mesmo mudar seu jeito de trabalhar, já terminará aquela emoção inicial e a frustração será inevitável. Por isso não dependa exclusivamente de um tarólogo evitando assim uma fidelidade absoluta. Se somente um tarólogo fosse eficiente, não existiriam centenas de milhares de tarólogos por aí. A vida é feita de mudanças, dinamismo e diversidade. E nunca despreze nenhum profissional duvidando da sua eficiência só porque leu as cartas do jeito que você não queria. 

Cliente que escolhe um tarólogo só por ele ser famoso ou muito popular: 

Muitas pessoas desprezam tarólogos iniciantes na profissão  (mas que praticou gratuitamente por vários anos e ninguém mais ficou sabendo) supondo ser menos eficientes preferindo aqueles que já têm fama ou popularidade  porque acham que serão melhores. Ledo engano! Tarólogos antigos e famosos também erram e talvez muito mais vezes do que os com menos tempo de profissão, pelo fato inclusive de muitos confiarem demais nos seus próprios trabalhos pelos muitos anos de experiência ou por serem grandemente queridos pela maioria. Como já conquistaram o seu espaço, sua vida financeira e principalmente o seu público dificilmente se preocupam com seu desempenho considerado excelente perante clientes, com exceção daqueles (que por sinal são a minoria) que mesmo sendo famosos ou muito populares e antigos, continuam humildes. A falta de humildade desses profissionais de assumirem que também podem errar, fazem com que a excessiva confiança em si traiam, cedo ou tarde, suas expectativas. Iniciantes na profissão e sem popularidade já costumam tomar o máximo de precaução para que erros na interpretação das cartas ocorram o menos possível. A cautela, a preocupação e a humildade fazem uma grande diferença! Por outro lado há tarólogos que fazem de tudo para chegarem à fama  a custo de sacrifícios inúteis e altamente perigosos. Cada profissional tem seus méritos (que precisam ser espontâneos) mas nenhum é mais que o outro, apenas diferentes.

Cliente que escolhe um tarólogo pelo valor que ele cobra muito abaixo da média ou só faz consultas gratuitas: 

Claro que isso tanto beneficia o consulente quanto o tarólogo,  especialmente se ele tem pouco tempo de profissão ou acabou de iniciar profissionalmente. Mas escolher sempre e só tarólogos que cobram esses valores ou mesmo os que fazem consultas gratuitamente não é o recomendado, principalmente os que não cobram nada. Isso porque na vida, por mais que aparente, na verdade nada é de graça. Tudo não passa de uma reciprocidade, pois se não  tem o dinheiro para pagar, alguma coisa em troca a pessoa que recebe, deveria dar. Tarólogos que sorteiam consultas gratuitas ou fazem previsões da semana, do dia ou mês coletivamente ou ainda fazem vídeos ao vivo para atender algumas pessoas sem exigir custo, na verdade,  estão querendo que conheçam o seu trabalho (isso quando estão bem intencionados) ou estão sentindo que receberam mais do que deviam e estão querendo equilibrar a "balança" que a própria vida impõe. Se as pessoas que recebem consultas  de graça e não dão nenhum retorno, uma hora terão prejuízo de alguma forma. Até mesmo o próprio tarólogo que doa sem equilíbrio, uma hora estará se prejudicando, pois se dá a entender para o Universo de que ele já está querendo dispor do seu trabalho ou sustento e algo lhe é tirado cedo ou mais tarde, principalmente se a intenção dele for exatamente a de poder concorrer  com os outros tarólogos. Por isso que muitas pessoas não sabem porque a vida não vai para frente. Até recebem muito bem, mas não conseguem usufruir, pois ou adoecem e tendem a gastar com seus tratamentos ou não conseguem parar de fazer dívidas e conseguir pagá-las, enquanto que outros que cobram o justo e só fazem consultas gratuitas com equilíbrio quando realmente se sentem de fazer e sem a pretensão de querer ser mais que os colegas, estão prósperos e satisfeitos, mesmo ganhando bem menos. A qualidade sobrepõe a quantidade. Por isso não deixem de retribuir o que recebem e nem doem mais que o necessário. Caridade não pode ser obrigatória e nem para mostrar aos outros que faz, mas sim quando realmente se sente de fazer ou for realmente necessário para se obter um mínimo de equilíbrio.

Cliente que só escolhe um tarólogo que faça consultas presenciais ou por vídeo câmera:

Nos tempos atuais as consultas presenciais estão cada vez mais raras devido à internet e a facilidade  de comunicação à distância.  Se uma pessoa mora longe, não tem espaço disponível na casa ou moradores que não gostam de que sua privacidade fique comprometida e tiver uma boa conexão de internet, a única saída, sem dúvida é a consulta à distância que tanto pode ser realizada através de email, pelo whatsapp (chat e áudio), skype ou messenger numa rede social. Mas alguns clientes insistem em afirmar que não é a mesma coisa como se o tarólogo fosse responder diferente se fosse pessoalmente ou por câmera que muitas vezes o consultor não tem condição. Cliente que exige que um profissional atenda do jeito que ele quer, certamente não está precisando de uma consulta mas de outra coisa (no mínimo uma especulação ardilosa). Tanto uma consulta presencial quanto à distância, todos sabem (ou deveriam saber) que funciona do mesmo jeito, sem exceção alguma. Pagar uma consulta pela internet não constitui nenhum risco, principalmente quando o cliente já obteve dados de contato do tarólogo e ele já demonstrou ser confiável. E se tantas pessoas compram produtos em lojas virtuais e conseguem esperar seus produtos chegarem com paciência, também têm condições de esperar (e por algumas horas apenas),de ter sua consulta realizada. Por que então tantas pessoas que confiam e nem hesitam em comprar produtos  em lojas virtuais (sabendo que além da espera, poderão ter  riscos do produto não servir e nem ter mais no estoque no caso de troca)  não podem confiar nos serviços esotéricos à distância? Onde está a diferença? Certamente na submissão de muitos tarólogos que acabam cedendo aos caprichos de clientes que ficam mal acostumados. Se não tiver quem se sujeita, não haverá  quem exija. Donos de lojas virtuais não querem saber se o cliente acha melhor comprar numa loja física. Quer comprar na loja virtual, compre. Não quer, paciência, fique sem o produto.


Cliente que escolhe um tarólogo pela grande rapidez que ele responde suas perguntas ou várias pessoas num tempo só: 

Uma vez ou outra, dependendo da pergunta e da(s) carta(s) que sai(em) é natural uma resposta rápida. Mas tarólogos que sempre respondem com a máxima rapidez, desconfie. Muitas perguntas exigem o máximo de concentração e até uma certa lucidez, e responder sempre na ponta da língua não é normal, mesmo que se tenha  anos de experiência. A prática não dá essa liberdade também de responder várias pessoas num tempo só e com a máxima eficiência. No mínimo, a probabilidade de  falhas nesses casos é de 75%. Isso se explica devido ao cérebro só conseguir assimilar uma tarefa ou concentração eficiente em no máximo 1 hora. Após isso, é comum o estresse mental e emocional,  principalmente num trabalho como de um tarólogo que exige isso, não é nada incomum que respostas da pessoa anterior possam se misturar com as energias do tarólogo ou mesmo dessa pessoa anteriormente consultada. Clientes que exigem rapidez e respostas prontas não valorizam o profissional e consequentemente uma hora terão com certeza falhas em suas previsões. O mesmo se aplica ao tarólogo que para querer chamar a atenção de clientes dando respostas rápidas demais e para muita gente num espaço de tempo longo, começam a sentir suas energias se perderem a tal ponto de ocorrer um grande desequilíbrio energético/espiritual. Clientes precisam entender que dentro do tempo estipulado e com calma e concentração suas respostas virão com certeza, sem necessidade  de apressar nada. Tarólogos por sua vez também precisam saber impor limites tanto para com clientes exigentes quanto para com suas ambições desmedidas e ter um mínimo de consideração e respeito por seu trabalho. Quem não têm respeito por si próprio dificilmente terá com o próximo.

Cliente que só escolhe um tarólogo por suas especialidades mediúnicas específicas: 

É bom saber que todos, sem exceção, possuem mediunidade e sensitividade. A diferença está na intensidade e de como cada um as utiliza. Uns possuem mais e nem as utilizam, outros menos e utilizam com maior cuidado. Há ainda os que negligenciam e desenvolvem quando não deveriam desenvolver, e por aí vai. Mesmo os mais céticos que não aceitam que tenham, estes aliás podem ter em dobro. Todo tarólogo ético e profissional desenvolveu sua intuição pela exigência da própria profissão que não se pode limitar  apenas às técnicas das cartas (que também aliás é de suma importância). Sem usar a intuição com sensatez para interpretação das cartas, só a técnica porém, não basta.  Por isso de nada adianta um tarólogo ser vidente, ter o dom de prever o futuro e acertar quase tudo,  pois sempre uma hora a espiritualidade faz com que a pessoa falhe, ainda que seja muito dedicado. Isso é bastante comum e até compreensível, pois no mundo não existem pessoas perfeitas e as mudanças de ciclo fazem parte. Se todo vidente/médium acertasse tudo, não existiram problemas com respeito à dúvidas. E se existissem videntes/cartomantes/tarólogos totalmente assertivos, certamente essas pessoas seriam imortais ou consagradas e consequentemente, exclusivas. Lamentavelmente, muita gente se ilude quando um tarólogo diz que "sempre acerta nas previsões e descobre tudo o que a pessoa tem, o que acontece com ela e o que vai acontecer". Pessoas que prometem demais só estão querendo chamar a atenção e vender seu trabalho desonestamente. Não caiam nessas armadilhas, especialmente aqueles que afirmam que trará seu amor de volta em tantos dias. Acontecer, muitas vezes acontece, pois se trata de lidar com entidades poderosas para lidar com a pessoa que no momento está energicamente fragilizada, mas que tem sempre um final insatisfatório, muitas vezes, trágico  especialmente quando se força alguém a fazer o que ela não quer e forçar a barra só vai acumular problemas futuros. Então quando um cliente se depara com um profissional que não faz nenhum desses trabalhos ou que não chama a atenção porque não diz que é médium/sensitivo ou vidente, despreza e vai atrás daqueles que prometem milagres. Saiba que se um tarólogo considerado comum, não lhe disse nada que você quis ouvir,  nem mesmo aquele que é vidente, irá falar (ao menos a verdade), pois profissionais honestos só falam o que a espiritualidade deixa revelar. Nem tudo o cliente pode saber, principalmente no tempo que gostaria. E o que ele precisa saber certamente saberá,  independentemente do consultor ser ou não vidente. Nenhum profissional esotérico tem o poder de conhecer ou invadir a privacidade do cliente sem que a espiritualidade permita. E não será nenhum vidente "poderoso ou extraordinário" que irá revelar (principalmente a verdade). Portanto tanto faz você consultar um tarólogo que não diz que é médium (pois não tem necessidade de dizer que é) quanto aquele que se intitula como tal ou mesmo vidente. Todos, sem exceção estão no mesmo patamar.

Cliente que só escolhe um tarólogo pelo tipo de oráculo ou baralho que ele utiliza: 

Claro que muitas cartas chamam mesmo a atenção. São importadas, ricas em beleza.  Mas muita gente quer escolher um tarólogo que faz consultas com determinado tipo de baralho e até mesmo se forem importadas! É bom saber que as respostas, independentemente da escolha do baralho serão sempre as mesmas e muita gente desconhece esse fato ou não querem conhecer, achando que um tipo de baralho irá dar respostas diferentes. Então não despreze as outras cartas quando não tiver outra escolha nem despreze aquele tarólogo que só trabalha com cartas nacionais ou muito simples, embora bem conservadas. Não é todo tarólogo que tem condições de adquirir muitos tipos de baralhos, especialmente importados. Clientes que só aceitam consultar com tarólogos que possuem tais cartas, não estão com certeza precisando de uma consulta, mas de outras necessidades. E tarólogos que não têm essas condições e se endividam só para agradar seus clientes nessa parte, estão no mínimo com falta de bom senso e impraticidade.

Cliente que só escolhe um tarólogo pelo grande número de clientes que ele atende:  

Muitos sites por exemplo, fazem questão de colocar o número de clientes que atenderam para ressaltar aos clientes demonstrando preferência ou uma certa eficiência. Isso muitas vezes, não é real, pois o próprio sistema do site pode ter falhas na hora de um mesmo cliente tentar conectar ao site  por inúmeras vezes e o número de atendentes ser apenas aparente. É mais ou menos  quando um blog tem um certo número de visitas, isso não quer dizer que houve realmente tantas visitas, mas sim que teve inúmeras vezes que um mesmo leitor acessou o site e que nem mesmo conseguiu ler. Ter quantidades de clientes nem sempre significa que o tarólogo é  procurado por seu excelente trabalho. Apenas mais visto, por ter tido mais chances de divulgar seu trabalho. Não confunda eficiência de um tarólogo pelo número de pessoas que ele realmente ou  supostamente atendeu. 

Cliente que só escolhe um tarólogo pela avaliação positiva dele nas pesquisas:  

Claro que isso irá chamar mais a atenção de futuros clientes, como que um produto que se vende na internet e tem o maior número de avaliações positivas. Isso se torna um referencial. Mas tome muito cuidado! Pessoas não são produtos (e mesmo produtos que foram avaliados positivamente tiveram para muitos, uma surpresa nada agradável posteriormente e vice/versa). Muitas vezes, tarólogos fazem questão de chamar amigos e familiares para dar avaliações positivas a fim de chamarem a atenção ou ainda pagarem algumas pessoas só para avaliarem. Não se trata de nenhum erro desde que não haja desmerecimento por parte de quem pede,  nem também  subterfúgios, pois pagar alguém para fazer isso, é pretensioso demais. Forçar também alguém a avaliar é ridículo e um desrespeito ao próprio trabalho. Não faço nenhuma questão de que avaliem meu trabalho publicamente, mas se alguém o faz com certeza é de livre espontaneidade. O que mais o tarólogo precisa é ficar satisfeito com seu trabalho sem necessitar de avaliações arranjadas só para impressionar. Clientes que só confiam em supostas avaliações estão no mínimo priorizando a aparência e poderão ter surpresas nada agradáveis. Por outro lado, tarólogos que fazem questão de avaliações positivas, estão no mínimo subestimando seu trabalho e duvidando da sua competência.

Cliente que escolhe um tarólogo por ele possuir entidades ou guias espirituais: 

Profissionais não são entidades e não são obrigadas a responderem pelo tarólogo/cigano toda vez que vão consultar seus clientes. Portanto desconfie se o cartomante disser que sempre seus guias ou entidades respondem. Entidades quando são do bem preservam o livre arbítrio de quem faz consultas e nunca interferem direta  ou indiretamente na vida do consulente, visto também que tanto o consultor quanto o cliente têm suas competências e livre-escolha respectivamente. Tarólogos competentes e que costumam ter esse tipo de mediunidade, não podem depender exclusivamente de entidades ou guias para fazerem suas consultas, nem clientes acharem que por serem usados por entidades nunca terão falhas ou que terão as respostas sempre certas do que outros profissionais que não têm essa característica mediúnica. Há muita desinformação e ignorância nessa parte. Se o tarólogo que costuma receber entidades não estiver devidamente preparado poderá haver alguma interferência espiritual ou energética e acabar até prejudicando  o consulente. O mesmo se aplica para quem não recebe tais guias. Portanto, dá tudo na mesma. O que vai valer sempre é a competência de cada tarólogo e não se ele possui ou não guias ou entidades. 


Cliente que escolhe um tarólogo pela prática de rituais e magias que ele pratica:

Muitos tarólogos não costumam praticar rituais específicos e muito menos magias para solucionar determinado problema e com isso podem ser vistos por alguns clientes como pouco produtivos e menos eficientes pelo fato de não oferecer solução através de tais práticas. Saiba que cada tarólogo terá suas maneiras diferentes de fazer as coisas e não tendo nenhuma necessidade de certos rituais, pois se trata apenas de crença. Quanto à magia, aqueles que não praticam, terão outras ferramentas como terapias alternativas, orações, preces ou mesmo conselhos que se seguidos pelo consulente com precisão, servirão de ajuda da mesma maneira que magias. São apenas maneiras diferentes de auxílio, porém se o problema não tiver que ser solucionado naquele tempo ou da maneira como o cliente deseja, não será nenhuma magia por mais forte que aparente, que vá dar resultados e isso é um fato! Portanto não se iluda que magias ou trabalhos espirituais sempre trarão resultados benéficos, pois nada nem ninguém pode forçar o universo ou a vida a atender todos os desejos das pessoas e solucionar tudo. Alguns problemas  servem inclusive como lições de vida e nem sempre terão solução, principalmente a que a pessoa quer. Escolher um tarólogo só por ele possuir essa característica é querer no mínimo se iludir.


CONSELHOS IMPORTANTES PARA CLIENTES: 
Não seja exigente demais quando se tenha realmente necessidade.
Tente conhecer o maior número de trabalho de cada tarólogo sem se prender a nenhum em particular.
Não subestime um tarólogo só pela aparência, tempo de atividade mínima, pouca ou nenhuma popularidade e sem características eloquentes ou mediúnicas específicas.
Procure respeitar suas limitações, pois todo profissional esotérico pode errar independentemente de quem ele seja.
Não hipervalorize um tarólogo só por ele ter fama e grande popularidade ou dar a impressão de que ele sempre acerta nas previsões.
Quem subestima ou hipervaloriza um profissional estará plantando ignorância e certamente colherá cedo ou mais tarde arrependimento ou decepções. Lei da ação e reação.

CONSELHOS IMPORTANTES PARA PROFISSIONAIS ESOTÉRICOS EM GERAL:
Não se sujeite às exigências absurdas dos clientes só para não perdê-los. Só perdemos ou deixamos de ganhar clientes quando realmente não precisamos mais ou não fizerem nenhuma falta. Na vida, enquanto se perde de um lado, ganha-se do outro, especialmente quando se é justo.
Respeite seu trabalho e suas limitações.
Não busque a perfeição. Faça apenas o seu melhor.
Nunca se endivide ou gaste além do necessário só para causar maior boa impressão ou impacto aos clientes.
Não tenha medo de dizer "não" a quem quer que seja. Quando se diz "sim" aos outros sem estar realmente sentindo, está automaticamente negando a si próprio e dessa forma não pode contar consigo mesmo.
Dê mais tempo e espaço para você mesmo. Quem tiver pressa, que procure outro que se submeta às exigências dele. Quem não se valoriza, não pode valorizar ninguém.
Para quem possui características mediúnicas específicas, não dependa exclusivamente de seus guias ou entidades. Confie mais  em si.

 







terça-feira, 22 de agosto de 2017

SEU ANO PESSOAL ATRAVÉS DAS CARTAS CIGANAS

Descubra a mensagem que as cartas do Baralho Cigano de Petit Lenormand reservou para você desde o seu último aniversário! (este baralho é diferente dos baralhos ciganos comuns pois o do Petit Lenormand  inclui os naipes e isso faz toda diferença). Se você não tiver esse baralho pode também ser outro desde que tenha os naipes além das figuras.
Para saber a carta do seu ano pessoal é muito simples: Basta somar seu dia, mês e ano do seu último aniversário e reduzir no final caso a soma dê acima de 36 que é o último número do Baralho Cigano.

Exemplo: Seu último aniversário foi em 04/07/2017
Somando-se 4 + 7 = 11 + 10 (soma de 2 + 0 +1 + 7 = 10) = 21 e aí está o seu número: 21 que corresponde à carta A Montanha. Outro exemplo: 28/12/2016
2 + 8 = 10    1 + 2 = 3    2 + 0 + 1 + 6 = 9
      10 + 3 + 9 = 22
Agora, só ver abaixo o que cada carta lhe revela para o seu ano pessoal!

Obs.: Muita gente faz através do Tarô, mas neste caso existem diferenças de baralhos que dependendo do autor das cartas, alguns arcanos foram trocados como no Tarô de Waite em que se muda a carta 8 (A Justiça) pela 11 (A Força), sem falar que ainda a carta "O Louco" pode ser vista tanto como 0 (zero) como 22. Daí a confusão.


CARTA 01 - O Cavaleiro (Nove de Copas): Novidades principalmente no campo afetivo ou emocional que poderá concretizar algo em sua vida e vencer obstáculos. Seja corajoso(a) e autoconfiante para superar as dificuldades e aprender com elas!

CARTA 02 - O Trevo (Seis de Ouros): Obstáculos e sorte se alternam resultando num equilíbrio necessário na sua vida. Deixe de lado o seu orgulho e aceite auxílio quando dele precisar. Seja também generoso(a), pois tudo é uma troca, não se esqueça disso. Se for compreensivo(a) e solidário(a) estará no caminho certo!

CARTA 03 - O Navio (Dez de Espadas): Terá necessidade de mudanças ou mesmo uma viagem para ampliar os horizontes. Esteja aberto(a) às coisas novas, deixando o velho para trás. Só assim, você conseguirá sucesso. Algo que termina em sua vida e será preciso aceitar, mas não se preocupe, pois será para o seu bem.

CARTA 04 - A Casa (Rei de Copas): Segurança e estabilidade tanto na vida afetiva quanto no âmbito familiar. O importante é cada um fazer a sua parte para obter o equilíbrio. Abra-se ao diálogo, ao amor e à compreensão para conseguir a paz e a felicidade.

CARTA 05 - A Árvore (Sete de Copas): Saúde e proteção em equilíbrio para o seu ano pessoal. Algo também que você plantou no ano anterior ( no sentido de ter feito algo) e que colherá neste ano (no sentido de receber), bom ou não. Tome cuidado com algumas ilusões, pois poderá se decepcionar depois, principalmente na área emocional ou afetiva.  

CARTA 06 - As Nuvens (Rei de Paus): Instabilidades passageiras. Use suas boas energias como  coragem,  criatividade e determinação para enfrentar as dificuldades. Pare para reavaliar se o que você quer é o que realmente deseja e tenha paciência até a fase passar.

CARTA 07 - A Serpente (Rainha de Paus): Aproveite bem o seu magnetismo pessoal e suas boas energias. Cuidado porém, com as  energias de fora, nem todas são para o bem. Não dê abertura para a inveja, mas se ela chegar até você, busque proteção. No amor aproveite sua arte de seduzir, mas tenha cuidado com as ilusões!

CARTA 08 - O Caixão (Nove de Ouros): Algo que chega ao fim para uma boa renovação na sua vida. Mude o que estiver estagnado, que não funciona mais, apesar de todos os esforços. Avalie o seu valor, valorizando o que tem de bom. Só assim você conseguirá prosperar.

CARTA 09 - O Ramalhete (Rainha de Espadas): Equilibre suas emoções e não guarde mágoas; só assim conseguirá desfrutar das boas oportunidades que certamente virão. Alegrias e muita felicidade no amor! Surpresas agradáveis.

CARTA 10 - A Foice (Valete de Ouros): Momento de mudanças e apesar de um tanto difíceis, será de grande valia, pois algo que não serve mais, será cortado e de certa forma bem trabalhado depois para atrair boas oportunidades. Estude mais suas decisões,  principalmente no âmbito material.

CARTA 11 - O Chicote (Valete de Paus): Cuidado com sua impulsividade. Conflitos e adversidades estão a caminho. Forças opostas poderão ser confrontadas. Seja justo(a) consigo mesmo(a) e com as pessoas e tenha coragem para mudar de forma a não se prejudicar e nem a ninguém. Cuidado com os excessos!

CARTA 12 - Os Pássaros (Sete de Ouros): Liberdade de expressão e de algo incômodo. Alegrias estão a caminho, mas evite a impaciência e as grandes expectativas para não se frustrar, principalmente no âmbito material. No amor, não sufoque o outro. Cuide mais de si mesmo(a).


CARTA 13 - A Criança (Valete de Espadas): Inícios que trarão grande alegria e esperanças. Deixe de lado seus preconceitos, suas vaidades e seu egoísmo. Cuidado também com a curiosidade excessiva. Tenha bom senso na comunicação para evitar confrontos.

CARTA 14 - A Raposa (Nove de Paus): Momento de cautela com novos amigos, novos negócios. Seja prudente e não se deixe levar pelos elogios, facilidades e sedução de quem quer que seja. Seja perspicaz para enfrentar os obstáculos e o desânimo. Reflita bem antes de qualquer ação.

CARTA 15 - O Urso (Dez de Paus): No amor pode haver algum ciúme por parte de seu(sua) companheiro(a) ou mesmo de sua parte.. Cautela. Cuidado também com a falsidade vinda tanto de amigos quanto de pessoas novas. Tenha prudência! Cuidado também com o excesso de responsabilidades gerando o famoso estresse. Vá com calma com seus anseios!

CARTA 16 - A Estrela (Seis de copas):  Proteção, paz e êxito nas conquistas. Com toda parte positiva desta carta é bom refletir que tudo nesta vida é troca, não podemos reter  a felicidade só para nós. Seja grato(a) à vida e faça algo que há muito tempo não fazia como lembrar daquele velho amigo do passado ou fazer uma visita para aquela sua tia, por exemplo, são formas de gratidão. 

CARTA 17 - A Cegonha (Rainha de Copas): Momento propício para mudanças, novas oportunidades e surpresas agradáveis. Cuide mais da sua parte emocional e afetiva e não tema as mudanças. Poderá receber auxílio ou apoio de uma pessoa do sexo feminino. Notícias boas estão a caminho.

CARTA 18 - O Cão (Dez de copas): Fidelidade tanto de amigos quanto do(a) seu(ua) companheiro(a). Auxílio em dificuldades.  Evite as cobranças e respeite as diferenças alheias. Seja também solidário para que a felicidade permaneça entre vocês. Evite o egoísmo.

CARTA 19 - A Torre (Seis de Espadas): Introspecção, isolamento e proteção. Viagem ao mundo interior. Um bom tempo para se afastar da vida social e meditar a fim de recuperar a energia mental e a paz de espírito. Reflexão demorada da situação que se apresenta fará com que se busque a solução necessária.

CARTA 20 - O Jardim (Oito de espadas):  Passividade devido a medos só levam ao pessimismo e evita investir (semear) naquilo que se deseja.  Também pode revelar medos da colheita do que se plantou no passado ainda que seja boa. Talvez um medo de perder? Quem sabe. De qualquer maneira é através de coragem e um certo esforço que se pode obter o que mais deseja. Abandone seus medos e usufrua do que se conquistou ou lute por aquilo que se quer de verdade!

CARTA 21 - A Montanha (Oito de Paus): Obstáculos, desafios, adversidade, mas também justiça ao seu tempo. Mas para que isso ocorra será necessário também ser justo(a) e confiar no percurso da vida. Mudanças repentinas estão por vir, trazendo novas oportunidades e resultados dos seus esforços.

CARTA 22 - O Caminho (Rainha de Ouros): Decisão importante a ser tomada para seguir o caminho que escolheu. Todo caminho é o correto mesmo que aparente não ser nada bom, pois neste caso  servirá de experiência e aprendizado. Preserve o que se tem. Cuide mais de sua aparência, da sua saúde, da sua casa, enfim, de tudo que já tem conquistado. 

CARTA 23 - O Rato (Sete de Paus): Tendência a desgastes, perdas, prejuízos ou doença; por isso use de cautela e vá devagar para não se estressar. Reflita sobre seus medos e frustrações, pois tudo isso é criado muito mais pela  mente do que pelo meio externo. Pondere, pois terá determinação e coragem suficientes para enfrentar quaisquer conflitos. Não se deixe dominar.

CARTA 24 - O Coração (Valete de Copas): Emoções à flor da pele com fortes tendências a atrair um novo amor ou firmar um relacionamento. Se nunca encontrou alguém, aí está a grande oportunidade. Tome cuidado  com a impulsividade e a entrega total ao outro. É preciso se reservar para que o outro não passe a te dominar ou mesmo o teu próprio sentimento. Equilíbrio é fundamental!


CARTA 25 - O Anel (Ás de Paus): União, parcerias, contratos. Cooperação e bons negócios. Hora de dar início àquele projeto ou negócio há muito tempo estudado ou mesmo ir à procura de um novo emprego. Momento também de iniciar qualquer plano entre você e seu(ua) companheiro(a). Se estiver sozinho(a), ótimas chances de encontrar alguém que vai mudar sua vida.

CARTA 26 - O Livro (Dez de Ouros): Oportunidade de dar valor a novos conhecimentos. Segredos que podem ser revelados e que abrirão muitas portas. Tempo bom para um novo aprendizado, que pode ser um curso ou uma maneira de se conectar ao desconhecido. Não comente seus planos com pessoas que não conhece muito bem para que assim sua realização seja mais plena.

CARTA 27 - A Carta (Sete de Espadas): Notícias chegando. Cuidado ao assinar documentos importantes. Cautela é fundamental. Não deixe seus planos virem à tona para que não haja sabotagem. Evite também fazer uso de algo que não seja seu só para tirar vantagens. Peça consentimento à pessoa em questão, mas tome cuidado com as informações e principalmente com quem as passa.

CARTA 28 - O Homem (Ás de Copas): Se você for homem, saiba que uma mulher o admira e espera que seu valor seja expandido. Valorize-se e não tenha medo de se expor com bom senso e diplomacia a fim de conquistar aquilo que se deseja, seja um novo amor, um novo trabalho, uma nova atividade ou qualquer outra conquista que esteja ligado às emoções. Se você for mulher, atente para um homem que possivelmente te admira e esteja aberta a novas amizades, a um novo amor ou mesmo uma outra forma de criar um clima entre você e a pessoa amada. Tudo que se tenha relação com uma figura masculina.

CARTA 29 - A Mulher (Ás de Espadas): Se você for mulher, valorize-se mais, mas sobretudo lute com sua sabedoria para alcançar seus objetivos. Não esmoreça e crie coragem! Se você for homem, lute com coragem e determinação pela mulher que se queira conquistar ou surpreenda a pessoa que está ao seu lado. Se esforce para conquistar um lugar de seu direito, especialmente se a pessoa em questão for representada pela figura feminina.

CARTA 30 - Os Lírios (Rei de Espadas): Paz interior, harmonia e também proteção. Evite a inércia e lide com as situações difíceis utilizando-se de estratégia, perspicácia, sabedoria e com senso lógico aliados à compreensão e à justiça. Assim poderá ficar mais tranquilo(a) em todos os níveis.

CARTA 31 - O Sol (Ás de Ouros): Tempos de êxitos, recompensas, iniciativas no campo material em geral, novos caminhos e estabilidade financeira. Conseguirá esclarecimentos, força e luz para poder resolver pendências ou situações que exijam tais atributos. Ações que levarão à realização.

CARTA 32 - A Lua (Oito de Copas): Introspecção e muita intuição ligada às emoções, mas cuidado com as fantasias da mente, saiba separar o real da ilusão. Instabilidades levando à ciclos de altos e baixos como alegrias, conquistas, honrarias, perdas, dificuldades e frustrações mas que levarão à experiências. Reflita bem antes de qualquer atitude ou mudanças. Algo oculto. Fique atento(a) e aguarde o momento certo para agir.

CARTA 33 - A Chave (Oito de Ouros): Soluções satisfatórias, descobertas, êxito e realização. Seja flexível e justo(a). A chave para seus problemas está em suas mãos. Portanto nada de ficar esperando solução de fora. Aproveite as oportunidades que surgirão. Se esforce para conquistar algo em sua vida sem humilhar ninguém. Aprenda através das dificuldades e tome novas decisões.

CARTA 34 - Os Peixes (Rei de Ouros): Sucesso e dinheiro que chegam. Lucros e abundância em todos os níveis.  Seu trabalho finalmente recompensado e reconhecido. Se estiver parado, grandes chances de novas oportunidades. Mas evite o egoísmo, o apego e o desequilíbrio que podem atrapalhar suas conquistas. Reflita sobre o que você faz com seu sucesso. Aprenda a ser líder de si mesmo(a).

CARTA 35 - A Âncora (Nove de Espadas): Proteção e estabilidade na sua vida, mas cuidado com a imobilidade devido a medos e insegurança, pois poderá cair em depressão. Não espere por oportunidades, siga em frente e não tenha medo de avançar. Não busque segurança em algo material. Tampouco se apoie em alguém.
Coloque-se em primeiro lugar.

CARTA 36 - A Cruz (Seis de Paus): Vitórias sobre lutas e sofrimento. Não desanime! Conseguirá uma base firme de experiência e sabedoria. Novos horizontes levando à realizações e recompensas. Reflita sempre em qualquer situação. Use seu aprendizado com justiça e equilíbrio.












segunda-feira, 14 de agosto de 2017

38 MEDITAÇÕES DE OSHO

Rajneesh Chandra Mohan Jain, mais conhecido como Osho, nasceu na Índia em 1931 e faleceu em 1990. Foi um professor de filosofia, líder religioso de uma seita de tradições dármicas e mestre na arte da meditação e do despertar da consciência. Seus ensinamentos abrangeram desde assuntos  individuais até sociais e políticos da época. Seus livros não foram escritos por ele, mas transcritos através de palestras gravadas em áudio e vídeos e eram feitas de improviso a plateias de pessoas de várias partes do mundo. Foi descrito pelo ator americano Tom Robbins como "O homem mais perigoso desde Jesus Cristo."
Sobre seu trabalho, Osho dizia ajudar a criar as condições para o nascimento de um novo tipo de ser humano.
Suas "meditações ativas" foram estruturadas a aliviar as tensões acumuladas no corpo e na mente para que as pessoas experimentassem o estado  de meditação relaxado e livre  de pensamentos. 

Não quero expor aqui a vida e a biografia completa de Osho, mas apenas um breve resumo para os admiradores desse grande mestre, que inspirou e continua inspirando centenas de milhares de pessoas que estão dispostas a aprender sempre mais! Claro que você pode discordar de alguma citação, pois ninguém é obrigado a concordar. Afinal todo ser humano tem em cada essência suas sutis diferenças. Apenas medite!

Abaixo, escolhi 38 frases/meditações de Osho para que todos possam refletir e meditar:

 
" Pense sempre no lado positivo das coisas: houve um acidente, mas você ainda está vivo e portanto, o transcendeu."

"Não há necessidade de ter medo da morte. Ela virá, essa é a única certeza na vida. Tudo o mais é incerto; então, por que se preocupar com a certeza?" 

"Cada pessoa precisa ter seu próprio espaço interior. Então haverá alegria em encontrar o outro, haverá anseio e paixão em encontrar o outro."

"A neurose só vem quando você não pode aceitar o fracasso. Ela nunca vem quando você está sendo bem-sucedido."

"A repetição não existe. A existência é sempre nova."

"Abandone suas ideias fixas. Então você será capaz de desfrutar mais a confusão. E ela não será confusão, mas um caos criativo. Precisamos de um caos criativo no coração para dar à luz estrelas dançantes. Não há outra maneira."

"Nunca pergunte a alguém o que é certo e o que é errado. A vida é um experimento para descobrir."

"Não existem causas externas da felicidade e da infelicidade; elas são apenas desculpas. Aos poucos chegamos a perceber que é algo dentro de nós que fica mudando e que isso nada tem a ver com circunstâncias externas."

"No momento em que você se ilumina, toda  a existência se ilumina. Se você estiver na escuridão, toda a existência estará na escuridão. Tudo depende de você."

"Todas as grandes descobertas são feitas por amadores." 



"Sempre que você perceber a sociedade em conflito com a sua natureza, escolha a natureza, não importa o custo. Assim, você nunca será um perdedor."

"O mundo é um lugar que faz eco. Se atirarmos raiva, a raiva voltará; se dermos amor, o amor voltará."

"Por que esperar por razões para rir? A vida, como ela é, deveria ter razão suficiente para rir. Ela é tão absurda, tão ridícula. É tão bela e tão maravilhosa! É todos os tipos de coisas juntas. É uma incrível piada cósmica."

"Quando você julga, começa a divisão."

"Nada há a temer, porque nada temos a perder. Tudo o que pode ser roubado de você não tem valor. Portanto, por que temer, por que suspeitar, por que duvidar?"

"Sua flexibilidade é proporcional à sua flexibilidade. Observe uma pequena criança - tão delicada, terna e flexível. À medida que você envelhece, tudo se torna rígido, duro, inflexível; mas, se você permanecer flexível, poderá permanecer absolutamente jovem até o momento de sua morte."

"Não pense que o amor é eterno. Ele é muito frágil quanto uma rosa. Pela manhã, ela está ali; ao entardecer, ela se foi. E pequenas coisas podem destruí-la."

"Meditação significa ser você mesmo, e amor significa compartilhar o próprio ser com outro alguém. A meditação lhe dá o tesouro e o amor o ajuda a compartilhá-lo. Essas são as duas coisas mais básicas e tudo o mais não é essencial."

"Permaneça sempre aberto e experimentador, sempre disposto a caminhar em uma trilha que você nunca percorreu antes. Quem sabe? Mesmo se ela provar ser inútil, será uma experiência."

"Se você puder atuar como se não tivesse problemas, descobrirá que não tem problemas! Todos os problemas são fictícios; você acredita neles e é por isso que eles existem."

" Não crie conflito entre perder-se em distrações e permanecer centrado. Flua. Se você ficar com medo de distrair-se, haverá uma chance de acontecer isso; tudo o que você tenta suprimir, se torna significativo."

"Os desejos são muitos, as necessidades são poucas. As necessidades podem ser satisfeitas; os desejos, nunca. Desejo é uma necessidade que enlouqueceu. É impossível satisfazê-lo. Quanto mais você tentar satisfazê-lo, mais ele pedirá."

"Em lugar nenhum existe segurança. A vida é insegura e não existe sustentação para ela - ela não tem sustentação."

"A mente fica sempre mudando de negativa para positiva, de positiva para negativa. Essas duas polaridades são tão básicas para a mente quanto os polos negativos e positivos o são para a eletricidade. A eletricidade não pode existir com um polo só - e a mente também não."


"O autoaperfeiçoamento é o caminho para o inferno. Todos os esforços para fazer algo a partir de você - algo ideal - irão criar uma loucura cada vez maior. Os ideais são a base de toda loucura, e toda a humanidade é neurótica devido a demasiados ideais."

"É bom estar disponível ao vento, à chuva, ao sol, porque a vida é isso. Assim, em vez de ficar preocupado a respeito, dance!"

"Para conhecer algo, você precisa perdê-lo."

"Quando você não deseja que alguma coisa se desenvolva, mantenha-se de costas para ela e ela morrerá por si mesma, como uma planta negligenciada e não aguada que definha e morre. Assim, sempre que você perceber alguma coisa falsa, coloque-a simplesmente de lado."

"A vida está além do seu controle. Você pode desfrutá-la, mas não pode controlá-la."

"A vida não tem objetivos... e essa é a sua beleza!"

"Não há necessidade de ir à igreja, ao templo ou à mesquita; onde você estiver, seja bem-aventurado e o templo estará presente. O templo é uma sutil criação de sua própria energia. Se você for bem-aventurado, criará o templo à sua volta."

"Quando você busca, o futuro é importante, o objetivo é importante. E quando você não procura, o momento presente é tudo o que existe. Não existe futuro, então você não pode adiar, não pode dizer: Serei feliz amanhã."

"As pessoas que se amam podem se separar, mas a compreensão que foi ganha na companhia do outro sempre permanecerá como uma dádiva. Se você amar uma pessoa, o único presente valioso que você pode dar a ela é alguma dose de compreensão."

"Quando duas pessoas estão se amando, elas são livres, são indivíduos. Elas têm liberdade; o amor não é uma obrigação. É a partir de sua liberdade que elas se entregam uma à outra e elas são livres para dizer não."




 





terça-feira, 18 de julho de 2017

VELAS DOS ANJOS: A COR ESCOLHIDA REVELA SOBRE SUA REAL SITUAÇÃO

Muita gente sabe que para entrar em contato com os anjos, não se faz necessário acender velas, bastando elevar nosso pensamento com fé para poder alcançá-los, mas ainda há quem goste de acender  velas para eles, como forma ritualística. 

Existem 7 cores comuns de velas para os anjos como a vermelha, a amarela, a rosa, a azul, a violeta, a verde e a branca, algumas também com cheiros agradáveis e os formatos, tamanhos, assim como as tonalidades das cores podem variar muito.  Mas é só uma questão de gosto.



Cada cor de vela revela os tipos de pedidos e necessidades podendo variar conforme as crenças de cada um, mas normalmente seguem algumas regrinhas básicas. Então vamos supor que você sem ter nenhum conhecimento sobre as cores das velas e seus significados, escolha a que mais te chama a atenção naquele momento, que pode ser por exemplo uma vela azul e pretenda acendê-la para seu anjo da guarda para fazer um pedido de saúde por exemplo, pode muitas vezes seu subconsciente ter escolhido essa cor justamente porque no fundo sua verdadeira necessidade e/ou desejo seja justamente para que seu trabalho ou negócio flua melhor e com isso sua saúde esteja sendo influenciada por isso.  Então atente bem para com sua verdadeira necessidade ou mesmo desejo. Será mesmo que você quer ou necessita de determinado pedido? Toda vez que pensar em fazer seu pedido e você já conhecer os significados de cada cor das velas, procure fechar os olhos, meditar bem e deixar que seu subconsciente defina sua real necessidade ou mesmo seu verdadeiro desejo com a vela que escolheu.Vejamos agora o significado básico de cada uma delas:

Cor branca: Simboliza paz, equilíbrio e harmonia e serve para praticamente todas as finalidades por ser uma cor neutra. Se escolheu ou saiu esta cor, no momento você pode estar em busca de paz e tranquilidade ou deseja agradecer por algo que tenha realizado. E que também todas as áreas da sua vida precisam de mais atenção sem no entanto ser de gravidade maior. Proteção angelical.

Cor azul claro ou mais forte: Simboliza também paz e harmonia, mas também prosperidade no trabalho e nos negócios em geral. Se escolheu ou saiu esta cor, neste momento você deve estar preocupada com seu trabalho ou mesmo com suas finanças. Também pode querer muito um trabalho ou melhorar de posição. Sua saúde também pode estar um pouco comprometida justamente por causa disso.

Cor amarela, laranja ou dourada: Simboliza a inteligência e bom uso do raciocínio. Prosperidade, principalmente nos estudos e aprendizado em geral. Se escolheu ou saiu esta cor, neste momento você pode estar precisando aprender alguma coisa nova ou mesmo desejando se aperfeiçoar num determinado aprendizado importante para você. Está precisando de renovação.

Cor rosa clara ou mais forte: Simboliza o amor (relacionamento), a família  e as amizades. Se escolheu ou saiu esta cor, neste momento você pode estar desejando um novo relacionamento ou mesmo uma renovação e harmonia com a pessoa que está com você. Caso nunca teve relacionamento, pode estar procurando uma pessoa ou aquela que você desejaria que te correspondesse. Também pode indicar carência de amizade ou desejo de reencontrar um velho amigo. Algum problema também relacionado com um membro de sua família.

Cor verde claro ou mais forte: Simboliza normalmente à saúde em todos os aspectos, principalmente de ordem física. Também para prosperidade nos negócios e abundância. Se escolheu ou saiu esta cor, neste momento você pode estar inseguro com sua saúde e/ou prosperidade e precisa urgentemente de ajuda nessa parte.

Cor violeta: Simboliza a espiritualidade, a intuição de cada um; à mudanças e à transmutação. Se escolheu ou saiu esta cor, neste momento você está necessitando entrar dentro de si mesmo e acreditar mais na sua intuição e dar ouvidos à voz dela. Ou ter de enfrentar mudanças em geral.

Cor vermelha ou vinho: Simboliza coragem e ânimo para lutar por aquilo que se deseja ou que se tenha necessidade. Se escolheu ou saiu esta cor, neste momento você pode estar precisando de coragem para enfrentar uma certa adversidade ou mesmo ter forças e energias para lutar numa causa nobre ou de grande importância para você.

Obs.: Normalmente as velas escuras como a preta por exemplo, são usadas em religiões africanas como a umbanda ou o candomblé e são utilizadas para quem deseja entrar em contato com guias espirituais e têm sua utilidade. Para uso comum é raro, mas se esta cor lhe chamou muito a atenção pode ser um sinal de que suas energias espirituais estão carregadas. Necessita urgente de equilíbrio energético/espiritual.




A seguir, um pequeno ritual com as velas:

Escreva a lápis num papel branco liso sem pauta o nome do seu anjo ou mesmo do anjo que você queira fazer o seu pedido; embaixo, escreva o seu nome completo conforme sua certidão de nascimento válida e por último, embaixo uma frase do salmo desse anjo ou mesmo um outro que você preferir. Coloque esse papel embaixo da vela que deve estar num recipiente próprio (pires, castiçal, etc conforme formato da mesma). Cuide para que não fique perto de onde passe vento e fique num lugar seguro e que não incomode ninguém. Acenda e deixe-a até queimar, enquanto faz uma prece. Jogue os restos da vela no lixo ou jardim/vaso de plantas, o recipiente já lavado e seco no seu devido lugar e o papel, debaixo do seu colchão durante o dia. À noite, coloque debaixo do seu travesseiro até conseguir o seu pedido. Em seguida, agradeça (podendo acender uma vela branca de agradecimento); dobre bem o papel e enterre num vaso ou jardim que pode ser o da sua casa ou de uma praça que você frequente. É bom lembrar que não existem regras  para tais práticas, podendo variar conforme as crenças de cada um. Há sim, sempre uma determinada ordem que precede  etapas, até que se finalize.


Sugestão de oração ou prece:
"Anjo meu (ou nome do anjo), agradeço por esta oportunidade de comunicação contigo. Estou ao seu dispor e se meu desejo for realmente aquilo que necessito ou mereço, permita-me que eu possua a paciência necessária e mérito para poder alcançá-lo. Porém se o meu desejo for apenas uma ilusão, me dê condições e forças para  aceitar e poder me adaptar naquilo que realmente necessito. Amém" 
Obs. : Se você já tiver a sua oração ou prece preferida, use-a normalmente.

 
Atenção: Nenhum ritual, magia, simpatia, oração, prece, etc devem ser considerados infalíveis, podendo seu pedido não ser atendido por essas razões:

* Querer impor seu desejo a qualquer custo como se o Universo tivesse obrigação de atendê-lo prontamente.
* Não ter fé suficiente e fazer o pedido automaticamente;
* O seu desejo não ser benéfico para você mesmo ou prejudicar terceiros;
* Não ser o tempo certo de acontecer; Há muitas situações que precisamos esperar;
* Ficar dependente de magias, rituais, preces, etc e não fazer nenhum esforço além disso; A vida às vezes nos concede, mas na grande maioria das vezes precisamos enfrentar desafios;
* Não possuir méritos para receber. Quem pensa em si mesmo 24 horas por dia achando que não depende de ninguém ou que acha que todo mundo tem que  ajudar sem que se faça sua parte, dentre várias ações negativas que se fez no passado mesmo inconscientemente.
* Seu desejo ser apenas um capricho e querer mostrar para os outros que você consegue;
* Não ser seu verdadeiro desejo ou necessidade. Ou seja, se você não precisa de verdade ou for apenas uma ilusão (algo passageiro)  seu pedido pode ser negado.


Mas fique tranquilo, tudo na vida é  tentativa. Se der certo, ótimo, se não deu, tente novamente mais tarde ou aprenda a aceitar as  coisas como elas são, tentando uma outra coisa. Mas lembre-se: Tudo na vida é troca; quando a gente recebe algo que ainda não tenha retribuído de alguma forma, cedo ou mais tarde teremos que retribuir! Na vida nada é de graça. Quem acha que tirou vantagem de algo ou de alguém está redondamente enganado. Tudo tem seu preço e a balança é justa.  No mais, agradeça sempre o que já usufrui, o que já usufruiu e o que certamente usufruirá, mesmo que seu objeto do desejo seja bem diferente do que esperava, mas que certamente, necessitava.



 

MENSAGENS MAIS LIDAS